Marketing – propaganda

Quando mais nova li um paradidático chamado “Uma rosa no ano 2014”, livro de “ficção futurista” que contava a tragetória da última semente num mundo totalmente mecanizado e toda a esperança depositada nela. 

Vocês se lembram dos Jetsons e o seu futuro no ano 2000? Cidade suspensas, carros voadores, todo tipo de aparelho eletro-doméstico e enterenimento, roupas com cores e formas estranhas, trabalho automatizado, robôs criados e etc.

Então, o futuro chegou e ele é exatamento como você esperava? Você não anda em esteiras automáticas, não há robôs criados ou eletro-doméstico- faz-tudo mas pratica algum tipo de exercício? Observa a natureza? Come algo que não seja conservado, enlatado, processado e adtivado?

A vida anda tão ligada no piloto-automático que o cotidiano já não passa pelos nossos olhos. E as vezes quando tiramos as amarras percebe-se que há uma vida lá fora, há algo além da Matrix 😉 . E como diria Rubem Braga ” é por causa de tudo isso que um homem simples às vezes leva um choque quando repara em alguma coisa simples” , as vezes, a vida nos deixa envolver.

O design japonês, Naoko Fukasawa, criou a embalagem de três sucos – banana, coco e morango, imitando a casca das frutas. Ficou muito original e mostra exatamente essa ideia que eu vinha falando para vocês.

banana

coco

morango

Os comerciais, abaixo, são uma crítica a vida moderna, ao afastamento do homem e  a natureza.

Eu estava me perguntando “por que KUAT EKO?’, se teria algo haver com conceitos de sustentabilidade ou algo do tipo. Pelo que pude vê no site não há nada falando sobre isso. Simplesmente, é um título. Não acho correto, para mim, é um marketing falso. De qualquer forma, vou mandar um e-mail para a COCA-COLA pedindo algum exclarecimento.

Anúncios

Um comentário sobre “Marketing – propaganda

  1. worlddy disse:

    “Boa noite, sou consumidora da marca coca-cola em diversos níveis – desde água até salgadinhos.
    E recentemente, assisti a propaganda do KUAT EKO, ainda não encontrei aqui na Paraíba, mas fiquei curiosa, prinicipalmente quanto ao título. Tem algo haver com conceitos de sustentabilidade, responsabilidade social ou algo do tipo, ou trata-se apenas de um título? Se tem haver, vocês poderiam me explicar qual o projeto, conceito e objetivos, se vocês não vão fabricá-los em garrafas pet ou algo do tipo?”
    Foi esse o e-mail que mandei

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s